Irã conclui instalação de centrífugas

O Irã está pronto para expandir drasticamente a atividade de enriquecimento de urânio em uma instalação subterrânea depois de colocar todas as centrífugas no local. A afirmação consta de um relatório da ONU divulgado ontem. De acordo com o documento, Teerã teria instalado quase 2,8 mil centrífugas na usina de enriquecimento de Fordo, dentro de uma montanha. Em breve, o país poderia dobrar o número de máquinas em operação para quase 1,4 mil, segundo a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA).

VIENA , O Estado de S.Paulo

17 de novembro de 2012 | 02h01

Teerã já produziu cerca de 233 quilos de urânio altamente enriquecido desde 2010, um aumento de 43 quilos desde agosto deste ano. Isso seria o necessário para uma bomba, dizem especialistas em segurança. Os iranianos usaram 96 quilos de urânio refinado a 20% de pureza para conversão em combustível para seu reator de pesquisa médica em Teerã, diz o relatório.

O documento da AIEA foi apresentado dez dias depois que a reeleição do presidente americano, Barack Obama, aumentou as esperanças de uma retomada das negociações diplomáticas com o Irã e depois de especulações de que Israel pudesse bombardear as instalações nucleares do país. O governo iraniano nega as acusações americanas e israelenses de que esteja buscando construir bombas nucleares e afirma que seu programa atômico tem fins pacíficos. / REUTERS e AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.