Irã confirma que ao menos 70 pessoas morreram em acidente aéreo

Mau tempo pode ter provocado queda de avião; neve dificulta o resgate.

BBC Brasil, BBC

09 de janeiro de 2011 | 20h36

Neve dificulta resgate de sobreviventes de acidente aéreo

Um Boeing com mais de 100 passageiros caiu neste domingo no noroeste do Irã, deixando ao menos 70 mortos, segundo a agência de notícias estatal Irna.

O avião, da companhia IranAir, partiu da capital Teerã e caiu nos arredores da cidade de Urumiyeh, próximo à fronteira com a Turquia.

O chefe do Crescente Vermelho no Irã, Heidar Heidari, afirmou que há 32 feridos. "Mas o número de mortos deve subir."

As equipes de resgate enfrentam dificuldades para chegar ao local da queda por causa da forte neve que cai na região.

Segundo a agência de notícias Fars, o chefe dos socorristas, Gholam Reza Masoumi, afirmou que a neve se acumula por 70 centímetros no local onde estão os destroços do Boeing.

Autoridades iranianas afirmaram que o avião decolou com uma hora de atraso e caiu por causa das péssimas condições climáticas.

Frota antiga

O Irã tem sido palco de inúmeros acidentes aéreos nos últimos anos. Sua frota doméstica é composta por aeronaves antigas e com manutenção precária.

Em julho, um avião de passageiros pegou fogo no momento em que pousava em Mashhad, matando 17 pessoas.

Dez dias antes, uma aeronave Tupolev pegou fogo durante um vôo e caiu no norte do país, matando todas as 168 pessoas a bordo.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
irãaviõesacidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.