Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Irã diz que UE ´tem mais vontade´ de dialogar com Teerã

O governo iraniano disse neste domingo que a União Européia (UE) "atualmente tem mais vontade" de negociar com a República Islâmica sobre o programa nuclear desta e acrescentou que"o diálogo continuará". O porta-voz do Ministério de Assuntos Exteriores do Irã, Mohamad Ali Hosseini, frisou, no entanto, que seu país não suspenderá oenriquecimento de urânio, já que "a suspensão não tem agora base legal alguma e não há lógica que possa justificá-la". Hosseini se referiu à recente reunião entre o alto representante de Política Externa e Segurança Comum da UE, Javier Solana, e o secretário do Conselho de Segurança Nacional e principal negociador iraniano no caso nuclear, Ali Larijani. "Larijani disse que o enriquecimento até 4% pode ser um bom início para as negociações. Ele falou a respeito com Solana e o diálogo continuará", disse o porta-voz iraniano em sua entrevista coletiva semanal."Agora vemos mais vontade da outra parte (UE) em encontrar uma saída para a atual estagnação e retomar as negociações", acrescentou. Após sua reunião no último dia 11 em Munique, Alemanha, com Larijani, Solana afirmou que o encontro não produziu resultados concretos, embora tenha dito que havia detectado "algo novo" na posição iraniana. Hosseini reiterou que seu país "acolhe e estuda qualquer idéia, plano ou proposta que garanta o direito do povo iraniano a ter acesso a tecnologia nuclear para uso pacifico". Porém, insistiu: "Não aceitamos a suspensão de enriquecimento (urânio). É algo do passado".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.