Irã e potências planejam novo diálogo nuclear no início de 2011

Primeira rodada de conversas, retomadas após 14 meses, terminaram nesta terça

Associated Press

07 de dezembro de 2010 | 09h09

GENEBRA - Os diplomatas que participam das negociações sobre o programa nuclear do Irã disseram nesta terça-feira, 7, que a rodada de diálogo iniciada na segunda chegou ao fim e que um novo encontro deve ocorrer no começo de 2011, na Turquia.

 

Veja também:

lista Veja as sanções já aplicadas contra o Irã

especialEspecial: O programa nuclear do Irã

 

O negociador chefe do Irã, Saeed Jalili, disse esperar que as conversas sejam realizadas em Istambul. Outros representantes confirmaram os planos para o próximo diálogo e disseram que a reunião deve ocorrer em janeiro ou fevereiro.

 

As fontes falaram em condição de anonimato, por disseram não ter autorização para tocar no assunto. O assunto do atual encontro foi estabelecer condições para discussões futuras.

 

Participaram das reuniões de segunda e terça representantes do Irã e do grupo 5+1, composto por EUA, China, França, Reino Unido, Rússia e Alemanha.

 

As potências têm dúvidas sobre as intenções do Irã com relação ao seu programa nuclear e suspeitam que a República Islâmica tenha como objetivo a fabricação de armas nucleares. Apesar disso, o Irã persiste em sua posição de que o direito de enriquecer urânio é negociável e insiste em que só procura fins pacíficos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.