Irã e Rússia retomarão negociações sobre usina nuclear

Uma delegação da companhia russa AtomStroyExport, responsável pela construção da usina nuclear iraniana de Bushehr, no Golfo Pérsico, chegará a Teerã neste domingo, 8, para retomar as negociações sobre a obra.A agência de notícias "Irna" afirma que os representantes russos chegarão à capital iraniana na tarde de domingo, para realizar a terceira rodada de negociações com autoridades iranianas, com o objetivo de tentar resolver os problemas financeiros relativos à construção da central.A delegação russa será liderada pelo responsável da AtomStroyExport pelo projeto, Vladimir Pavlov, que disse estar confiante de que as duas partes chegarão a um acordo.A primeira rodada de negociações foi realizada em Moscou, entre os dias 7 e 9 de março, e a segunda, em Teerã, de 16 a 20 do mesmo mês.A AtomStroyExport havia se comprometido a fornecer o combustível para a central em março deste ano, e a dar início às atividades da usina em setembro de 2007.No entanto, a Agência Atômica Russa (Rosatom) anunciou um atraso de pelo menos dois meses no projeto, após o Irã ter suspendido os pagamentos para o financiamento do projeto, que foram retomados em 26 de março.O diretor do Organismo de Energia Atômica do Irã (OEAI), Gholamreza Aghazadeh, afirmou que, durante a visita da delegação russa, as duas partes assinarão documentos sobre a solução dos problemas financeiros.Segundo o acordo firmado entre Moscou e Teerã, em setembro de 2006, o Irã deve pagar mensalmente US$ 25 milhões para a construção da usina.A central, de 1 mil megawatts de potência, está situada a 12 quilômetros da cidade de Bushehr, às margens do Golfo Pérsico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.