Irã empresta quadro de Pollock a museu japonês

O Irã emprestou ao Museu Nacional de Arte Moderna de Tóquio o quadro mais valioso do pintor americano Jackson Pollock. Avaliada em US$ 250 milhões, a obra faz parte do acervo do Museu de Arte Contemporânea do Irã. A obra foi comprada pela mulher do xá do Irã, deposto em 1979, e "nacionalizada" pelos aiatolás ao tomarem o poder.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.