Iranian Presidency Office / AP
Iranian Presidency Office / AP

Irã ameaça enriquecer urânio 'como nunca' se negociações para manter acordo falharem

Presidente iraniano responde à decisão americana de se retirar de acordo nuclear, anunciada por Trump nesta terça-feira

O Estado de S.Paulo

08 Maio 2018 | 16h26

TEERÃ - O presidente do Irã, Hassan Rohani, afirmou nesta terça-feira, 8, que se as negociações sobre o acordo nuclear falharem, a República Islâmica irá enriquecer urânio "mais do que nunca nas próximas semanas".  Rohani fez um pronunciamento na TV em resposta ao comunicado do presidente americano, Donald Trump, de retirar os EUA do pacto. "Eu ordenei à organização atômica do Irã que, se for necessário, nós enriqueceremos urânio mais do que nunca", disse. 

Rohani denunciou que é "inaceitável" que os Estados Unidos se retirem do acordo nuclear de 2015 porque o Irã cumpriu com seus compromissos. "Não fizemos nada incorreto e é inaceitável que os EUA se retirem", disse Rohani em discurso televisionado.

O presidente iraniano afirmou ainda que há um "um período curto" para negociar com os países que continuaram no acordo. Ele explicou que seu ministro das Relações Exteriores, Mohammad Javad Zarif, viajará para esses países para as novas conversações. / AP e EFE

+ O que é o acordo nuclear com o Irã e por que ele é criticado?

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.