Irã está mais perto de obter armas nucleares, diz Londres

O governo da Grã-Bretanha acredita que o Irã está a apenas alguns anos, e não décadas, de obter a capacidade para fabricar armas nucleares. Londres está preparado para adotar duras sanções unilaterais, disse Bill Rammell, funcionário da chancelaria, à Comissão de Relações Exteriores do Parlamento britânico. As declarações foram feitas após as potências mundiais se reunirem ontem na Alemanha e se comprometerem a obter uma solução diplomática para a disputa sobre o programa nuclear iraniano e saudarem a oferta de diálogo direto com Teerã feita pelo presidente americano, Barack Obama.DISPUTAO ex-presidente do Irã Mohamed Khatami (1997-2005) indicou ontem que deve concorrer nas eleições de 12 de junho contra o líder iraniano, Mahmud Ahmadinejad. "Devo cumprir as promessas feitas ao povo e anunciar minha prontidão", afirmou Khatami sobre sua provável candidatura. O ex-líder moderado comandou o abrandamento das relações do Irã com o Ocidente, que se deterioraram durante o governo de Ahmadinejad.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.