Irã está pronto para suspender enriquecimento de urânio

O Irã está pronto para considerar a suspensão de seu programa de enriquecimento de urânio por um período de até dois meses, disseram diplomatas à Associated Press. Os diplomatas, que pediram para não ser identificados, fizeram os comentários pouco depois das conversações entre o chefe de política externa da União Européia, Javier Solana, e o principal negociador iraniano, Ali Larijani.Determinação do Conselho de Segurança das Nações Unidas exige que o Irã suspenda o enriquecimento, que pode gerar tanto combustível para produzir eletricidade quanto material para a elaboração de bombas atômicas. O governo dos Estados Unidos defende a imposição de sanções a Teerã, por conta do descumprimento da ordem.Os diplomatas que deram a informação sobre a nova disposição iraniana estão familiarizados com as discussões entre o Irã e a UE. Um deles disse que Larijani levantou a possibilidade de o Irã suspender as atividades de enriquecimento "voluntariamente, por um ou dois meses, se for apresentada uma forma de fazer isso sem pressão". Os diplomatas não disseram quando esse movimento viria a ocorrer.Uma concessão desse tipo seria uma grande mudança de comportamento por parte do Irã. Mais cedo, tanto Larijani quando Solana falaram em progresso nas conversas, e concordaram em voltar a se reunir.As conversações entre os dois, neste final de semana, ofereciam pouca esperança de uma resolução para o problema, que vem se gravando por conta da recusa de Teerã de cumprir os prazos determinados pelo Conselho de Segurança.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.