Irã faz testes com três modelos de mísseis no Golfo Pérsico

As forças dos Guardiães da Revolução Islâmica do Irã testaram nesta sexta-feira "com sucesso" três modelos de mísseis de longo e médio alcance durante as manobras "Grande Profeta II", que são realizadas no Golfo Pérsico, informou a televisão pública iraniana. Na quinta-feira última (2), os iranianos anunciaram que haviam realizado testes com mísseis de longo alcance nas áreas desertas do centro do país. Os Guardiães da Revolução lançaram nesta dezenas de mísseis "Nur" (luz), que atingiram os alvos predeterminados nas águas do Golfo Pérsico, segundo a emissora. "Nestas operações, vamos usar diferentes tipos de mísseis de longo alcance ´Nur´ e de médio alcance ´Kowsar´ e ´Nasr´", afirmou o general Fadawi, subcomandante do Exército dos Guardiães da Revolução Islâmica. Segundo a rede de televisão, que emitiu imagens do disparo de diferentes tipos de mísseis em terra, os projéteis foram disparados de forma simultânea e demonstraram parte do potencial militar iraniano. Os mísseis foram lançados de plataformas terrestres e das embarcações "Tundar" e "Zulfaghar", para "demonstrar a capacidade defensiva do Irã contra possíveis ameaças vindas do mar", acrescentou a fonte. O oficial militar declarou que "o uso dos mísseis ´Nur´, com um alcance de 170 quilômetros, permite ao Irã dominar todas as partes do Golfo Pérsico e grande parte do mar de Omã". Assim segundo Fadawi, os Guardiães da Revolução, corpo paramilitar de elite, são capazes de controlar qualquer movimento de tropas no Golfo Pérsico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.