Irã inicia produção de ´pó amarelo´ extraído do urânio

O Irã deu início à produção industrial de "pó amarelo", primeiro produto obtido após a extração do urânio e de sua redução física, segundo informou a agência local Baztab. A agência de notícias acrescenta que o anúncio oficial será feito nos próximos dias por Gholam Reza Aghazadeh, diretor do Organismo iraniano de Energia Atômica. O "pó amarelo", composto por óxido de urânio e outros compostos do metal, deve ser transportado às instalações da usina de Isfahan, na região central do Irã, para ser transformado em gás hexafluoreto de urânio UF6. Até agora, o Irã utilizava em seus complexos nucleares "pó amarelo" procedente de uma grande carga importada da África do Sul, ressaltou a fonte. A informação sobre a produção industrial do material, que pode ser utilizado para a obtenção do UF6, foi divulgada um dia depois do término, sem acordos, de uma reunião entre representantes iranianos e europeus em Viena, sede da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), que deve analisar o caso iraniano na segunda-feira.

Agencia Estado,

04 Março 2006 | 05h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.