Irã: mudança de ministro não altera política externa

O governo do Irã disse hoje que suas políticas externa e para questões nucleares não serão alteradas depois que o presidente Mahmoud Ahmadinejad demitiu seu ministro de Relações Exteriores, Manouchehr Mottaki, e o substituiu pelo seu negociador nuclear. "As principais políticas iranianas são definidas em níveis superiores e o Ministério de Relações Exteriores executa essas políticas. Nós não teremos nenhuma mudanças em nossas políticas básicas", disse o porta-voz do Ministério, Ramin Mehmanparast.

AE, Agência Estado

14 de dezembro de 2010 | 17h15

"Eu não acho que haverá mudanças em novas políticas e negociações nucleares" com as potências mundiais sobre o programa nuclear iraniano, disse ele. Ontem, Ahmadinejad nomeou Ali Akbar Salehi, vice-presidente e chefe do programa nuclear iraniano, como ministro interino após a saída de Mottaki.

Nenhuma razão foi apresentada para a medida, tomada dias depois de o Irã ter realizado conversações - nos dias 6 e 7 de dezembro em Genebra - sobre seu programa nuclear. Novas negociações estão marcadas para o mês que vem na Turquia. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Irãministropolítica externa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.