Irã nega captura de principal assessor de Bin Laden

A chancelaria iraniana negou ter capturado Ayman al-Zawahiri, braço direito de Osama bin Laden, informa a rede de TV CNN. A prisão de al-Zawahiri e do porta-voz da rede terrorista Al-Qaeda, Suleiman Abu Ghaith, no Irã, havia sido noticiada pela TV Al-Arabiya. Mas, segundo o porta-voz da chancelaria iraniana, Hamid Reza Asefi, ?este não é o caso?.De acordo com Asefi, os supostos membros da Al-Qaeda detidos no irã depois de terem entrado ilegalmente no país, vindos do Afeganistão, ainda não foram todos identificados. ?E não há razão, mesmo depois de o processo de identificação ter terminado, para discutir o assunto com a mídia?, completou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.