Irã planeja fazer documentário sobre prisão de britânicos

As Forças Armadas iranianas estão se preparando para lançar um documentário e um livro sobre a detenção e as "confissões" dos 15 marinheiros britânicos presos pelo Irã em março, disse um comandante militar nesta terça-feira, 10."Um documentário sobre a prisão, interrogatório e confissões (...) está sendo preparado e em breve chegará ao mercado", disse o comandante Alireza Afshar, citado como vice-encarregado de "propaganda de Defesa", em um comunicado enviado por fax.O Irã libertou os prisioneiros na última quinta-feira, 13 dias após terem sido capturados. Segundo Teerã, os militares estavam dentro de território iraniano, mas o Reino Unido alega que seus marinheiros foram presos em águas do Iraque.Sob custódia, os britânicos foram mostrados pela TV estatal do país dizendo que entraram em águas iranianas ilegalmente. O comunicado de Afshar não informou se o documentário iria conter materiais ainda não divulgados.Os marinheiros, 14 homens e uma mulher, disseram em uma coletiva de imprensa após retornarem para a Inglaterra que haviam sido vendados, amarrados, mantidos isolados e ameaçados com até sete anos de cadeia.Teerã classificou a coletiva de imprensa como "propaganda"."Ao invés de agradecerem e darem boas-vindas à República Islâmica por sua clemência em perdoar os marinheiros, o infantil teatro (...) mais uma vez mostrou o hábito agressivo britânico", disse Afshar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.