Irã pode produzir água pesada, diz parlamentar

Um deputado do Parlamento iraniano afirmounesta sexta-feira que seu país conseguiu a tecnologia necessária para a produçãode água pesada, utilizada na refrigeração do processo de fissão dourânio, informa a agência iraniana "Fars". "O acesso a esta tecnologia pode servir à República Islâmica emsuas negociações sobre o caso nuclear", disse o representante daprovíncia de Mashad no Parlamento, Ali Asgari. "Os detalhes sobre o projeto e o local das instalações destatecnologia serão anunciados pelas autoridades do Irã em um futuropróximo", afirmou Asgari. Ele também disse que a água pesada tambémpode ser utilizada para o tratamento de doenças como o câncer. Esta revelação coincide com uma declaração feita nesta sexta-feira em Teerãpelo porta-voz do Governo iraniano, Gholam Hussein Elham. Segundoele, o Irã "conseguiu novos avanços que serão anunciados em umfuturo próximo". Asgari disse que seu país "está disposto a continuar o diálogo(sobre as atividades nucleares iranianas) com países europeus, com aChina e com a Rússia no âmbito das questões técnicas e jurídicas". Estas declarações foram divulgadas no momento no qual acomunidade internacional estuda a resposta de Teerã ao plano deincentivos em troca da suspensão de seu programa nuclear. Os líderes iranianos afirmaram que estão dispostos a reiniciaro diálogo sobre seu programa, que alegam ter fins pacíficos.Além disso, o Irã deixou claro também que não abandonará o processode enriquecimento de urânio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.