Irã prende mais de 200 durante protestos estudantis

Mais de 200 manifestantes foram detidos na capital iraniana em uma série de protestos estudantis realizados ontem contra o governo, informou hoje Azizullah Rajabzadeh, comandante da polícia de Teerã. Ele disse que 204 estudantes foram presos, inclusive 39 mulheres, por "perturbar a ordem pública", segundo informações da agência estatal de notícias Irna. Rajabzadeh afirmou que os estudantes detidos serão entregues ao Judiciário depois que a polícia concluir suas investigações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.