Irã tem urânio suficiente para produzir até 3 bombas atômicas, diz AIEA

QUESTÃO NUCLEAR

, O Estado de S.Paulo

24 de novembro de 2010 | 00h00

Um relatório confidencial da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), revelado ontem, indica que o Irã já produziu mais de 3 toneladas de urânio enriquecido, quantidade suficiente para a fabricação de três bombas atômicas.

A revelação foi feita no mesmo dia em que o presidente da Organização Iraniana de Energia Atômica (OIEA), Ali Akbar Salehi, anunciou que o Irã produzirá urânio enriquecido a 20% "de forma real" a partir de setembro de 2011. Salehi também desmentiu as informações divulgadas na segunda-feira pelo jornal The Washington Post, segundo as quais centrífugas iranianas tiveram problemas técnicos que atrasaram o programa.

Segundo o jornal americano, "o programa nuclear iraniano passou por graves problemas, incluindo uma oscilação da atividade de milhares de centrífugas de enriquecimento de urânio". O problema teria sido provocado pelo vírus Stuxnet, o mesmo que em setembro afetou computadores industriais no Irã.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.