Iraniano desempregado joga sapatos em Ahmadinejad

Um site conservador iraniano informou que um homem desempregado jogou seus sapatos contra o presidente Mahmoud Ahmadinejad, em protesto por não ter recebido seus direitos após a demissão.

AE, Agência Estado

12 de dezembro de 2011 | 11h24

A informação divulgada pelo Shafaf.ir é um raro exemplo de divulgação, pela mídia iraniana, de uma humilhação sofrida pelo presidente. O site é aliado dos opositores de Ahmadinejad.

O site identifica o homem como um funcionário demitido de uma fábrica de têxteis na cidade de Sari, norte do país, que era visitada pelo presidente.

Os sapatos não teriam atingido Ahmadinejad, mas o homem começou a atacar o governo por não ter recebido seus direitos. Oficialmente, a taxa de desemprego no Irã é de cerca de 11%, mas especialistas dizem que ela é muito maior. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
IrãAhmadinejadsapatada

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.