Iranianos começam a votar para eleger novo presidente

A emissora estatal de televisão do Irã disse que os cidadãos já começaram a votar para eleger o sucessor do atual presidente Mahmoud Ahmadinejad, que não pode concorrer a um terceiro mandato consecutivo no cargo.

AE, Agência Estado

14 Junho 2013 | 02h01

Mais de 50 milhões de eleitores deverão escolher entre os seis candidatos que permanecem na disputa: um moderado, quatro conservadores e um linha-dura. Todos são leais ao aiatolá Ali Khamenei, que tem palavra final em todos os assuntos do país.

Depois de registrar seu voto, o aiatolá Ali Khamenei fez duras declarações contra norte-americanos que tem criticado as eleições no Irã. "Recentemente ouvi dizer que um oficial de segurança dos EUA disse que não aceita esta eleição. OK, que vá para o inferno", afirmou o líder, em declarações transmitidas pela televisão estatal.

Khamenei alega que se o Irã tivesse de esperar a aprovação dos EUA, surgiriam problemas e polêmicas. O aiatolá tem pedido repetidamente que as pessoas votem e aumentam a taxa de participação nas eleições como uma resposta aos governos do Ocidente que têm questionado a transparência das eleições iranianas.

O porta-voz Jen Psaki do Departamento de Estado disse na quinta-feira que, por mais que os EUA não acreditem que o processo eleitoral iraniano seja transparente, o país não está desencorajando o povo iraniano de votar. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
irãeleição

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.