Iraque cancela reunião extraordinária com EUA

Um assessor do governo iraquiano, Sadiq al-Rikabi, afirmou hoje que uma reunião extraordinária para discutir um pacto entre o país e os Estados Unidos foi cancelada. A notícia é ruim para Washington, que trabalha por um acordo para prorrogar a permanência das tropas americanas no Iraque após o fim do ano.Segundo Al-Rikabi, o motivo do cancelamento foi que as propostas para emendar um rascunho do texto ainda estavam chegando. Ele afirmou que haverá o encontro programado para a terça-feira (dia 28).O gabinete iraquiano decidiu receber propostas sobre o rascunho, após importantes parlamentares xiitas advertirem que o texto como está seria rejeitado. Além disso, os governos dos dois países desejam aprová-lo antes das eleições americanas, em 4 de novembro.O projeto é alvo de críticas de vários iraquianos, que consideram tratar-se de uma violação à soberania nacional. O pacto busca substituir um mandato da Organização das Nações Unidas (ONU) que fornece base legal à permanência das tropas estrangeiras no país e expira em 31 de dezembro. As informações são da Associated Press.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.