Iraque: dinheiro da reconstrução pode ir para segurança

O Departamento de Estado dos EUA estáanalisando a possibilidade de desviar US$ 3,34 bilhõesoriginalmente destinados a projetos públicos no Iraque paramelhorar a segurança no país árabe, disse hoje uma fonte dachancelaria americana. O dinheiro faz parte de um pacote de US$ 18,4 bilhões aprovadopelo Congresso dos Estados Unidos em 2003 para a reconstrução doIraque, esclareceu o funcionário sob a costumeira condição deanonimato. Apesar de a Casa Branca ter alegado na época que o dinheiroprecisava ser liberado com urgência, pouco foi utilizado até omomento por causa de entraves burocráticos e de problemas desegurança. O embaixador dos EUA no Iraque, John Negroponte, recomendou aoDepartamento de Estado que US$ 3,34 bilhões sejam retirados deprojetos de saneamento básico e de fornecimento de energiaelétrica. A recomendação de Negroponte parte do princípio que, se asegurança melhorar, a produção de petróleo aumentará e haverámais dinheiro disponível para a reconstrução, explicou a fonteamericana. O embaixador americano no Iraque quer mais 45.000 policiais,16.000 agentes de fronteira e 20 novos batalhões da guardanacional com entre 700 e 800 homens cada. A notícia sobre a proposta foi publicada em primeira mão naedição de hoje do The Wall Street Journal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.