Iraque e Síria normalizam laços diplomáticos após 1 ano

O Iraque e a Síria concordaram em normalizar totalmente seus laços diplomáticos, com o retorno de seus respectivos embaixadores para seus postos, disse hoje o ministro das Relações Exteriores iraquiano, Hoshyar Zebari.

AE, Agência Estado

24 de setembro de 2010 | 14h33

"Eu me encontrei com o ministro das Relações Exteriores sírio para informá-lo de que o governo iraquiano decidiu restaurar completamente as relações diplomáticas, enviando de volta nosso embaixador em Damasco", disse Zebari, por telefone, de Nova York, onde ele participa da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU). "O lado sírio saudou a decisão e concordou em enviar seu embaixador para Bagdá o mais rápido possível".

O Iraque e a Síria retiraram seus embaixadores em 25 de agosto de 2009, em meio a uma disputa diplomática gerada por acusações iraquianas de que Damasco abrigava insurgentes responsáveis por violentos ataques com caminhões em Bagdá. Isso atrapalhou esforços intensivos dos últimos anos para fortalecer os laços, que viveram uma época ruim durante o governo do ex-ditador iraquiano Saddam Hussein.

Tudo o que sabemos sobre:
diplomaciaIraqueSíria

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.