Iraque exorta Turquia a se distanciar da Casa Branca

A Turquia incorrerá "num grave erro" se decidir participar da coalizão liderada pelos Estados Unidos contra o regime taleban no Afeganistão. É o que alerta um jornal iraquiano que pertence a um dos filhos do ditador Saddam Hussein. Em editorial publicado hoje, o jornal Babil avisa que ao "aderir a uma política pró-Estados Unidos, a Turquia tenta participar dos agressivos planos americanos contra o povo iraquiano". A Turquia está entre os principais parceiros comerciais do Iraque, embora a relação seja conflituosa: Bagdá acusa Ancara de restringir o fluxo dos rios Tigre e Eufrates e também a condena por oferecer base a tropas ocidentais.Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.