Iraque institui tribunal para julgar Saddam Hussein

Lideranças iraquianas montaram uma corte de juízes e promotores para julgar o ditador derrubado Saddam Hussein, anunciou um porta-voz. Salem Chalabi, um advogado formado nos EUA e sobrinho do líder político Ahmed Chalabi, foi nomeado diretor-geral do tribunal e empossou um comitê de sete outros juízes e quatro promotores. A corte terá um orçamento de US$ 75 milhões para o período 2004-2005. A data do início do julgamento de Saddam ainda não foi definida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.