Iraque nomeia dois generais de seu novo Exército

O ministro da Defesa do Iraque, Ali Allawi, anunciou um curdo e um sunita como seus dois principais generais, dando às duas principais minorias do país um lugar nos altos escalões militares. Allawi, um civil iraquiano xiita nomeado ministro pelas forças de ocupação, disse que o Iraque terá um Exército composto estritamente por voluntários, e que chegará a 35.000 soldados em setembro. Ele disse que a força será ?defensiva? e pediu aos iraquianos que colaborem com o novo Exército para diminuir a dependência em relação a tropas estrangeiras para garantir a segurança iraquiana.O general Babakir Zebari será o principal assessor de Allawi. Zebari comandou as forças curdas no norte do Iraque por décadas e lutou ao lado dos EUA na invasão do país, em 2003. O chefe do Estado-Maior será Amer al-Hashimi, um sunita que serviu como general na infantaria iraquiana até se reformar, em 1997.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.