Safim Hamed/AFP
Safim Hamed/AFP

Iraque vai receber mais militares dos EUA

Tropas desembarcam em Bagdá nas próximas semanas; general diz que luta contra Estado Islâmico deve levar ao menos três anos

O Estado de S. Paulo

18 de dezembro de 2014 | 16h13

BAGDÁ - O principal comandante militar americano no Iraque, general James Terry, disse que mais tropas dos Estados Unidos embarcarão para o país do Oriente Médio nas próximas semanas para treinar militares locais. Mas Terry advertiu que levará pelo menos três anos para que as capacidades de defesa do Exército iraquiano sejam estruturadas.

Terry lidera a campanha dos Estados Unidos para derrotar militantes do grupo Estado Islâmico na Síria e no Iraque. Ele disse que o desafio é ter as unidades iraquianas treinadas e de volta ao combate para que possam planejar operações para reconquistar áreas tomadas.

Mossul, a maior cidade do norte do Iraque, foi tomada pelos militantes. O Exército iraquiano pretende lançar uma contraofensiva para retomar a cidade, provavelmente com apoio e ações coordenadas com os Estados Unidos. Mais de 1.000 tropas adicionais americanas estarão em território iraquiano em breve. Cerca de 1.700 já estão no país. / AP

Mais conteúdo sobre:
EUAIraquetropasenvio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.