Iraque volta a oferecer petróleo no mercado mundial

Pela primeira vez desde março - quando os Estados Unidos e a Grã-Bretanha deram início à guerra no país -, o Iraque voltou a oferecer petróleo cru no mercado internacional, anunciando que aceita propostas para 10 milhões de barris. A Organização Estatal de Marketing de Petróleo do Iraque (Somo, sigla em inglês) oferece o petróleo estocado no porto de Ceyhan, na Turquia, e no terminal iraquiano de Mina Al-Bakr, no sul do país, com embarque para o período entre os dias 17 e 30.A proposta enviada a compradores - preferencialmente refinarias - oferece 8 milhões de barris de petróleo dos campos de Kirkuk, estocados em Ceyhan, em contratos com volume de 1 milhão de barris. Outros 2 milhões de barris de petróleo "leve" estão no terminal de Mina Al-Bakr. O convite, assinado pelo gerente-geral da Somo, Mohammed Al-Jabouri, diz que o prazo para envio das propostas se encerra às 17h (de Londres) do dia 10, e as mesmas deverão ser encaminhadas à Somo em Bagdá.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.