Iraquiano morre e dois americanos se ferem em confronto

Um iraquiano foi morto depois de ter atacado forças dos EUA e dois soldados americanos ficaram feridos quando o lançador múltiplo de granadas que usavam explodiu, durante a troca de tiros. Dois iraquianos armados com fuzis AK-47 atacaram uma posição dos EUA nas proximidades de uma represa ao norte da cidade de Khaldiya, 70 km a oeste de Bagdá, informou o major Justin Rideout.Uma comando de reação rápida saiu em perseguição aos atacantes e localizou dois homens, armados com fuzis, correndo ao longo do canal. A força abriu fogo com metralhadoras e lançadores automáticos de granadas. Um suspeito foi morto e o outro conseguiu fugir. No tiroteio, um lançador de granadas montado sobre um veículo Humvee apresentou problemas. Os soldados acreditaram tê-lo consertado mas, ao ser recarregado, o lançador explodiu. O motorista do Humvee e o atirador ficaram seriamente feridos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.