Irlanda do Norte terá eleição em 26/11; IRA depõe armas

A Grã-Bretanha definiu nesta terça-feira uma data para as eleições na Irlanda do Norte. Em resposta, o Exército Republicano Irlandês (IRA, por suas iniciais em inglês) confirmou ter deposto mais armas. Em um dia de anúncios cuidadosamente organizados, o gabinete do primeiro-ministro da Grã-Bretanha, Tony Blair, informou que as eleições para a Assembléia Norte-Irlandesa - há muito tempo adiadas - foram marcadas para 26 de novembro. O pleito pode abrir caminho para a restauração de um governo compartilhado por católicos e protestantes nesta conturbada província do Reino Unido.O anúncio das eleições foi feito depois de semanas de negociações entre o Sinn Féin (católico) e o Partido Unionista do Ulster (protestante), além dos governos britânico e irlandês. O governo da Irlanda do Norte foi suspenso há um ano depois de acusações de que estaria espionando para o IRA.Há a possibilidade de os primeiros-ministros britânico, Tony Blair, e irlandês, Bertie Ahern, viajarem à Irlanda do Norte para demonstrar a aprovação ao acordo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.