Irmandade Muçulmana tem 47% do Parlamento no Egito

Um partido da Irmandade Muçulmana conquistou 47,18% das cadeiras no Parlamento, anunciou a comissão eleitoral neste sábado ao divulgar os resultados finais das eleições.

AE, Agência Estado

21 de janeiro de 2012 | 14h28

O Partido Liberdade e Justiça (FJP, em inglês), um braço político da Irmandade Muçulmana ganhou 235 cadeiras na nova Assembleia do Povo, afirmou o diretor da comissão, Abdel Moez Ibrahim.

O FJP assegurou 127 cadeiras nas listas partidárias e seus candidatos conquistaram outras 108 cadeiras.

A eleição foi a primeira desde a queda do presidente veterano Hosni Mubarak em fevereiro do ano passado.

A Assembleia do Povo, ou Câmara Baixa do Parlamento, é composta por 498 membros do Parlamento eleitos e 10 nomeados pela Junta Militar. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Egitoeleiçãoparlamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.