Irmão de Correa é processado nos EUA

Fabricio Correa, irmão do presidente equatoriano, Rafael Correa, foi acusado nos EUA de espionagem industrial e corrupção pelo americano Jack Grynberg, presidente da empresa Cotundo Minerales, que explorava petróleo em Pungarayacu, no Equador, até o mês de abril. O irmão do presidente teria roubado informações de Grynberg sobre a existência de petróleo no local para, em seguida, pedir ao presidente equatoriano que estatizasse e lhe entregasse o direito de exploração do campo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.