REUTERS/Yves Herman
REUTERS/Yves Herman

Irmãos belgas de 102 anos são gêmeos mais velhos do mundo

Nascidos em 13 de julho de 1913, os irmãos Pieter e Paulus viveram juntos a maior parte da vida; somente há três anos decidiram deixar sua casa para se instalarem em uma residência para a terceira idade

O Estado de S. Paulo

14 de agosto de 2015 | 07h00

BRUXELAS - Pieter e Paulus Langerock, dois irmãos belgas de 102 anos, são os gêmeos mais velhos do mundo, publicou na quarta-feira, 12, o jornal belga Le SoirOs gêmeos mais idosos do planeta afirmam não ter um segredo que explique a longevidade, além de comer e beber com moderação, e de tomar um copo de vinho por dia.

Eles disseram acreditar que é uma decisão da natureza."Casem-se, casem-se com uma mulher que amem e tenham filhos", aconselha Paul aos jovens. No entanto, nem ele nem seu irmão se casaram, por terem sempre desaprovado as potenciais parceiras um do outro ao longo de todos estes anos, contaram ao jornal belga.

Nascidos em 13 de julho de 1913, os irmãos Pieter e Paulus viveram juntos a maior parte da vida. Somente há três anos decidiram deixar sua casa para se instalarem em uma residência para a terceira idade perto da cidade de Gent, na região de Flandres, no leste da Bélgica). / EFE

Tudo o que sabemos sobre:
gêmeosBélgica

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.