Isaac Asimov morreu de aids, diz viúva

A viúva de Isaac Asimov revelou que o escritor de fição científica morreu em conseqüência de aids, contraída ao receber transfusão de sangue. Asimov, autor dos livros ?Robot? e ?Foundation?, além de centenas de outros, recebeu sangue contaminado após uma cirurgía cardíaca.Ele soube que era soropositivo para o HIV três anos antes de sua morte, em 1992. Aconselhado por seu médico, guardou segredo sobre a natureza de sua doença. ?Advertiram-nos que, se divulgássemos essa informação, nos converteríamos em alvo de preconceito,? disse Janet Asimov, de 75 anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.