Isaf mata pelo menos 20 talebans no Afeganistão

Ataque das forças internacionais aconteceram no sul e leste do país

Efe

22 de setembro de 2010 | 05h46

CABUL - Pelo menos 20 supostos talebans morreram em dois ataques da Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf) da Otan, no sul e no leste do Afeganistão, informou a organização nesta quarta-feira, 22.

Seis supostos insurgentes faleceram nesta quarta em um bombardeio aéreo das forças afegãs e da Otan no vale de Arghandab, nas cercanias da cidade de Kandahar, capital do distrito homônimo, segundo comunicado da Isaf.

A organização disse que os talebans atacaram as forças conjuntas com morteiros. Em resposta, houve um bombardeio de precisão, sem causar "vítimas civis" ou "qualquer outro dano", de acordo com a nota.

Em outro comunicado, a força da Aliança Atlântica informou sobre a morte de 14 insurgentes nesta terça-feira no distrito de Spira, situado na província oriental de Khost, fronteiriça com o Paquistão.

Segundo a Isaf, um grupo de talebans atacou as forças afegãs e estrangeiras com armas curtas e granadas, e a resposta foi dada com fogo de morteiro após a determinação da posição dos insurgentes.

Os talebans realizam frequentes ataques contra as tropas estrangeiras e afegãs em todo o território, especialmente no cinto sudeste do país, onde predomina a etnia pashtun.

A cada ano morrem milhares de pessoas no país, onde os insurgentes talebans tentam derrubar o governo afegão e expulsar as tropas estrangeiras desdobradas pelo território.

Tudo o que sabemos sobre:
Isaf, Afeganistão, talebans, ataque

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.