Islâmicos ameaçam atacar embaixada dos EUA na Indonésia

Um grupo fundamentalista islâmico indonésio ameaçou hoje lançar um ataque contra a embaixada dos EUA em Jacarta e matar todos os norte-americanos que estão no país se Washington atacar um Estado muçulmano como represália aos atentados em seu território. "Não teremos dúvidas em atacar a embaixada norte-americana em Jacarta se os EUA atacarem um país islâmico em represália" aos atentados de Nova York e Washington, disse Al Habib Muhammad Riziq Shihab, líder da Frente de Defensores do Islã.O dirigente fundamentalista acrescentou que, se for necessário, seus militantes expulsarão da Indonésia ou matarão todos os norte-americanos que residem no país. O grupo liderado por Shihab é considerado muito agressivo, tendo se responsabilizado no passado por ataques a bares e clubes noturnos em Jacarta freqüentados por estrangeiros e particularmente por americanos. Segundo seus dirigentes, o grupo possui mais de 7 milhões de seguidores.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.