Israel anuncia fim do confinamento de Arafat

Israel anunciou o fim do confinamento do líder palestino Yasser Arafat, que estava proibido de sair da cidade de Ramallah desde dezembro. O primeiro-ministro de Israel, Ariel Sharon, "não vai mais restringir o direito de ir e vir de Arafat nos territórios da Autoridade Palestina", disse, em um comunicado, o gabinete de Sharon.A decisão de eliminar o confinamento de Arafat ocorreu depois que forças de segurança palestinas prenderam o último dos diversos suspeitos do assassinato do ministro de Turismo de Israel, Rehavam Zeevi, morto em outubro. O conselheiro de políticas exteriores de Sharon, Danny Ayalon, disse que Arafat ainda precisa de autorização de Israel para viajar para o exterior.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.