Israel anuncia mais 500 casas em colônias da Cisjordânia

O governo de Israel anunciou planos para construir mais 500 unidades habitacionais na Cisjordânia, depois de uma aparente mudança na política americana para o Oriente Médio que enfureceu os palestinos. As autoridades palestinas opõem-se a todos os enclaves israelenses na Cisjordânia e na Faixa de Gaza, áreas reivindicadas como território de um futuro Estado palestino.Autoridades israelenses confirmaram hoje os planos para as 500 novas unidades - que se somarão às 1.000 habitações anunciadas semana passada. Os EUA vêm dando a entender que tolerarão as construções, desde que ocorram em assentamentos já instalados. No passado, Washington se opunha quaisquer novas construções israelenses nos territórios palestinos.Os palestinos dizem que a mudança ameaça as chances de paz e exigem que o governo americano esclareça seu ponto de vista. O premier palestinos, Ahmed Korei, acusou Israel de agravar a tensão entre os dois povos. ?Enquanto se fala em esvaziar os assentamentos de Gaza, expandem-se os assentamentos da Cisjordânia?, disse. ?Isso não trará estabilidade, em trará paz?.

Agencia Estado,

23 de agosto de 2004 | 17h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.