Israel ataca sul da Faixa de Gaza e mata dois

Israel realizou um ataque aéreo contra um grupo de pessoas no sul da Faixa de Gaza na noite deste sábado, matando dois militantes palestinos e ferindo outras três pessoas, disseram fontes médicas. O ataque aconteceu em Rafah, localidade que faz fronteira com o Egito. Fontes médicas também informaram que um membro de 25 anos da Brigada dos Mártires de Al Aqsa - um grupo ligado ao partido Fatah, do presidente da Autoridade Palestina Mahmoud Abbas - foi morto. Três pessoas foram seriamente feridas e um garoto de seis anos sofreu ferimentos leves nas pernas. O Exército disse que havia mirado em um veículo transportando um grupo de militantes envolvidos em ataques a Israel.O incidente ocorreu logo após tropas israelenses terem atacado um alvo junto à fronteira de Israel ao norte de Gaza. Testemunhas disseram que não houve feridos. Autoridades do Exército israelense disseram ter mirado em um militante que teria tentado atirar um foguete em Israel. No começo do sábado, um foguete caseiro atingiu uma casa na cidade fronteiriça israelense de Sderot, levemente ferindo uma pessoa. Ampliada às 20:38

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.