Israel bombardeia túnel no norte da Faixa de Gaza

O Exército israelense confirmou na madrugada desta terça-feira um ataque aéreo a um túnel no norte da Faixa de Gaza, na fronteira com Israel. De acordo com um porta-voz, o local bombardeado, próximo ao posto de controle de Karni, estaria sendo usado por militantes palestinos para preparar um novo atentado.Na segunda-feira, após nove meses sem sofrer com ataques suicidas, Israel foi alvo de um homem-bomba palestino, que matou pelo menos três pessoas em uma padaria, no balneário turístico de Eilat, no sudeste do país. A Jihad Islâmica, as Brigadas dos Mártires de Al-Aqsa e o Exército dos Fiéis reivindicaram conjuntamente a autoria do atentado.O ataque desta terça-feira, que estaria sendo tratado como uma aparente represália ao atentado suicida em Eilat, não deixou feridos. Segundo fontes ligadas ao premier israelense, Ehud Olmert, citadas pelo jornal Ha´aretz, o bombardeio não rompe o cessar-fogo acordado em 26 de novembro do ano passado entre Israel e as autoridades palestinas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.