Israel começa a aplicar cessar-fogo unilateral em Gaza

O Exército de Israel começou a aplicar na madrugada deste domingo, na Faixa de Gaza, o cessar-fogo unilateral anunciado pelo primeiro-ministro israelense, Ehud Olmert, após 22 dias de uma dura ofensiva militar na região palestina.O cessar-fogo israelense entrou em vigor às 2 horas, horário local, de domingo (22 horas de sábado de Brasília), mas tinha sido rejeitado de antemão pelas milícias armadas de Gaza, lideradas pelo Hamas, que antes desse prazo intensificaram o lançamento de foguetes contra Israel.Cerca de 30 projéteis disparados de Gaza caíram no sul israelense nas horas anteriores à cessação das hostilidades israelenses, embora sem causar danos pessoais, segundo fontes militares. Pelo menos dois foguetes Grad - com alcance de até 40 quilômetros e os de maior percurso com que o Hamas conta -, foram lançados quase de maneira simultânea perto da meia-noite, quando o primeiro-ministro israelense, Ehud Olmert, anunciou a trégua.Em declarações dadas imediatamente após a reunião, Olmert disse que o Hamas "subestima a determinação de Isarel", e que o grupo "ainda não percebeu o quanto foi ferido". O chefe de governo disse ainda que a guerra de Israel "não é contra o povo de Gaza". Ele também acusou o governo iraniano de "buscar hegemonia na região", usando como instrumentos o Hamas e o grupo libanês Hezbollah.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.