Israel desrespeita lei internacional, diz investigador da ONU

Israel está desrespeitando o direito internacional ao esquivar-se de sua responsabilidade nos territórios palestinos que ocupa, concluiu um investigador das Nações Unidas em um relatório divulgado nesta terça-feira. Forças de ocupação têm a obrigação de permitir que as pessoas vivam normalmente nessas áreas, com acesso adequado a alimentos, educação e cuidados médicos, informou John Dugard, num documento entregue à Assembléia Geral da ONU.Segundo ele, o governo israelense deveria permitir que as autoridades locais continuassem controlando os serviços básicos, como a coleta de lixo, ou então assumir tais funções. Israel não vem fazendo uma coisa nem outra. "Israel não pode negar à Autoridade Palestina a capacidade de oferecer uma administração civil adequada e funcional e ao mesmo tempo rejeitar assumir a responsabilidade disto", acusa o funcionário da ONU em seu relatório.Yaakov Levy, embaixador de Israel na ONU, reclamou à Associated Press que o relatório é "parcial" e contém "acusações infundadas e sem base". Dugard visitou Israel e os territórios palestinos em agosto, para preparar o documento. Em setembro, retornou à região para atualizá-lo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.