Said Khatib/AFP
Said Khatib/AFP

Israel devolve restos mortais de militantes palestinos

Corpos haviam sido enterrados em caixões no país e foram exumados para transferência

AE, Agência Estado

31 Maio 2012 | 11h12

CIDADE DE GAZA - Israel devolveu ao governo palestino, nesta quinta-feira, 31, os restos mortais de 31 militantes, dentre eles suicidas, num esforço para induzir o presidente Mahmoud Abbas a retomar as paralisadas negociações de paz.

Todos os 91 mortos realizaram ataques contra alvos israelenses, informaram autoridades palestinas. Pelo menos um dos ataques aconteceu na década de 1970.

Os corpos haviam sido enterrados em caixões em Israel e foram exumados para a transferência. O funcionário palestino encarregado da transferência, Salem Khileh, disse que autoridades israelenses entregaram os restos mortais dos palestinos no Vale do Jordão.

Setenta e nove corpos foram transportados para Ramallah e 12 para a Faixa de Gaza. Cerimônias do governo palestino em homenagem aos militantes mortos serão realizadas ainda nesta quinta-feira na Cisjordânia e em Gaza.

"Nós esperamos que este gesto humanitária sirva como medida de construção de confiança para ajudar a colocar o processo de paz de volta nos trilhos", disse o porta-voz do governo israelense, Mark Regev.

"Israel está pronto para a imediata retomada das negociações de paz sem quaisquer precondições", declarou Regev.

Abas não deu finais de que o gesto o persuadiria a retomar as conversações. Nesta quinta-feira ele declarou que o "principal obstáculo para a retomada das negociações" é a recusa de Israel em congelar as construções de assentamentos na Cisjordânia e em Jerusalém Oriental e de negociar tendo como base as fronteiras mantidas por Israel antes da captura desses territórios em 1967.

As informações são da Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Israel palestinos militantes restos mortais

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.