Israel diz que Arafat não cumpre as condições para sair de Ramallah

O primeiro-ministro israelense Ariel Sharon considerou nesta terça-feira que o presidente palestino Yasser Arafat não cumpre as condições para que Israel permita o líder palestino de sair de Ramallah para participar da cúpula dos países árabes, que acontece em Beirute, no Líbano. "Até agora, não há condições de autorizar Arafat a viajar para o exterior. Ele não deu nenhuma ordem para que a polícia palestina fosse enérgica contra o terrorismo. Se a posição de Arafat mudar, estudaremos novamente a questão, mas por ora não há nenhuma reunião prevista para discutir este problema ", afirmou um porta-voz do governo. Ele ainda lembrou que Israel impediu no final do ano passado Arafat, que está exilado em Ramallah desde 3 de dezembro, de participar da missa do galo, em Belém, apesar das pressões internacionais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.