Israel e milicianos de Gaza entram em confronto

Milicianos palestinos em Gaza dispararam nesta quarta-feira foguetes contra Israel, que, em contrapartida, lançou ataques aéreos contra o território, encerrando-se assim o cessar-fogo entre as duas partes e expondo o fracasso das negociações de uma trégua duradoura.

AE, Estadão Conteúdo

20 de agosto de 2014 | 04h25

Os milicianos palestinos dispararam ao menos sete foguetes contra Israel, declarou o exército, que informou ter feito ao menos 30 ataques aéreos contra Gaza durante a noite.

Os combates recomeçaram nesta terça-feira depois que os milicianos de Gaza dispararam dezenas de foguetes contra Israel horas antes de expirar um cessar-fogo mediado pelo Egito. A contraofensiva israelense casou a morte de uma criança e de uma mulher.

O Estado judeu chamou de volta a sua delegação do Cairo e respondeu aos foguetes com ataques aéreos, enquanto os negociadores palestinos disseram que as negociações haviam chegado ao fim.

Os combates encerraram as esperanças de uma trégua duradoura depois de uma guerra que um mês que causou a morte de mais de 2 mil pessoas, em sua maioria palestinos. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
ISRAELGAZAVIOLÊNCIA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.