Israel fecha passagem de Erez por tempo indeterminado

O exército israelense decidiu fechar por tempo indeterminado a passagem de Erez, principal ligação entre a Faixa de Gaza e Israel, após as últimas tentativas de milicianos palestinos de atacar o posto de fronteira. Cerca de 2.400 trabalhadores palestinos cruzam todos os dias essa passagem para trabalhar em Israel.Soldados israelenses mataram nesta madrugada dois palestinos que pretendiam atacar o posto de fronteira com granadas e fuzis, segundo fontes militares.Além disso, outros dois palestinos tentavam colocar uma bomba nas imediações da passagem quando foram surpreendidos pelos soldados, que dispararam várias vezes, matando um deles e ferindo gravemente o outro.O exército israelense prosseguiu nesta quinta-feira com suas operações na Cisjordânia, onde deteve 17 palestinos. As detenções ocorreram nas cidades de Tulkarem, Hebron, Ramala e em várias localidades do distrito de Jenin, informaram fontes militares.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.