Israel inicia construção de muro em bairro de Jerusalém

Com milhares de toneladas de concreto, Israel iniciou a construção de um muro de oito metros de altura na periferia de Jerusalém, sinalizando que o isolamento da cidade sagrada pelo Estado judeu começa a tornar-se permanente. O muro, que segue o trajeto de uma importante avenida de Abu Dis, um bairro palestino, segrega milhares de moradores árabes de Jerusalém.A construção do novo muro substitui uma barreira bem menor que reduziu, mas não paralisou, o fluxo de pessoas e bens entre as áreas palestinas e israelenses dessa região. O muro faz parte de uma barreira que Israel vem construindo entre seu território e a Cisjordânia com o objetivo alegado de impedir a entrada de militantes palestinos dispostos a perpetrar atentados contra alvos israelenses.Líderes palestinos estão enfurecidos com a construção da barreira - um emaranhado de muros, cercas e trincheiras que invade grandes porções da Cisjordânia para englobar assentamentos judaicos construídos em terras reivindicadas pelos palestinos para o estabelecimento de seu futuro Estado independente e soberano.Apesar de Israel afirmar que a barreira poderia ser derrubada se houver um acordo de paz, os críticos denunciam que o muro cria uma fronteira que engole quase metade da Cisjordânia e a isola de Jerusalém.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.