Israel inicia suspensão de bloqueio do Líbano

Israel deu início, nesta quinta-feira, à suspensão do bloqueio imposto ao Líbano, informa um representante do Ministério das Relações Exteriores, mas não disse quanto tempo a operação durará. O porta-voz Mark Regev disse que o Exército iniciou o encerramento do embargo pouco depois das 6h00, hora local (12h00 em Brasília).Cedendo a pressão das nações Unidas e de outras organizações, Israel havia se comprometido, na quarta-feira, a suspender o embargo e permitir que forças internacionais assumissem o papel de impedir a entrada de carregamentos de armas para a guerrilha do Hezbollah.Israel havia imposto um bloqueio marítimo, aéreo e terrestre ao Líbano, depois da guerra de 34 dias contra o grupo xiita. Um cessar-fogo entrou em efeito há três semanas, mas o bloqueio do país se manteve, para impedir que o Hezbollah se rearmasse ou transferisse dois soldados israelenses capturados - Ehud Goldwasser e Eldad Regev - para fora do território libanês. O Exército israelense e as famílias dos soldados vêem o fim do bloqueio com reservas.Sob os termos da retirada, forças navais alemãs devem chegar ao Líbano em duas semanas. Até que a força alemã chegue, tropas francesas, britânicas, italianas e gregas patrulharão a costa do Líbano, disse o premier de Israel, Ehud Olmert. Em termos práticos, o fim do bloqueio permitirá que o Líbano retome seu comércio exterior, inicie a reconstrução da área devastada pela guerra e dê início à limpeza da grande mancha de óleo que se espalha pelo Mediterrâneo, depois que uma usina de eletricidade foi atingida por um bombardeio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.