Israel libertará 69 prisioneiros palestinos

O presidente de Israel, Moshe Katsav, anunciou nesta segunda-feira a libertação de 69 prisioneiros palestinos, mas um funcionário palestino desqualificou a medida como "insignificante". Na semana passada, Israel libertou 334 prisioneiros, medida qualificada como "propaganda" pelos palestinos.Em Washington, Os EUA pediram a Israel, Líbano e Síria que não permitam uma escalada de violência na fronteira líbano-israelense. O porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Philip T. Reeker, disse que o secretário de Estado Colin Powell telefonou hoje para o ministro das Relações Exteriores de Israel, Silvan Shalom, para enviar a mensagem. "Pensamos ser importante que vejamos uma demonstração de contenção máxima pelas partes e que sejam evitadas novas escaladas na situação, disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.