Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Israel mira novos alvos; 9 mortos em ataque com tanque

As forças israelenses atacaram dezenas de alvos e avançou para mais perto da Cidade de Gaza neste sábado, mas a ofensiva - assim como nos outros dias - não impediu que o sul de Israel fosse atingido por uma nova série de disparos de foguetes no início do dia. No ataque mais sangrento de hoje, um tanque israelense desembarcado próximo a uma casa na cidade de Jebaliya - norte da Cidade de Gaza -, matou nove pessoas que haviam saído para o jardim. Em outro episódio, uma mulher foi morta por uma ataque aéreo de Israel no sul da cidade de Rafah. Os militares israelenses disseram que mais de 15 militantes do Hamas foram mortos em um ataque anterior durante a noite. A aviação israelense atacou mais de 40 alvos através da Faixa de Gaza, atingindo 10 locais de lançamentos de foguetes, instalações de armazenamento de armas, túneis de contrabando e lançadores de mísseis antiaéreos e homens armados. Chamas e fumaça podem ser vistos subindo ao céu sobre a Cidade de Gaza. SEM TRÉGUA - O combate se intensificou depois de ambos, Israel e o Hamas, terem ignorado uma resolução das Nações Unidas, que pedia um cessar-fogo imediato e durável que levaria a retirada das tropas israelenses da Faixa de Gaza. Israel recusou a resolução aprovada pelo Conselho de Segurança na quinta-feira como impraticável, enquanto o Hamas, cujo governo na Faixa de Gaza não é reconhecido internacionalmente, alega que não foi consultado sobre os esforços diplomáticos. Parte dos combates mais pesados deste sábado ocorreu na estratégica rodovia costeira no norte da Cidade de Gaza, segundo oficiais de segurança palestinos. As forças israelenses se moveram para uma distância de cerca de pouco mais de 1 km da cidade antes de recuarem um pouco. Embora Israel tenha, em grande medida, assumido o controle da rodovia, os militantes do Hamas continuavam a operar de posições escondidas na área. A rodovia é frequentemente usada para lançar foguetes em Israel ou para atacar barcos da marinha israelense na costa do Mediterrâneo. Na manhã deste sábado, os militantes dispararam dez foguetes contra Israel, segundo o exército israelense. Um foguete atingiu um prédio de apartamentos no sul da cidade de Ashkelon, ferindo levemente duas pessoas e provocando extensos danos à estrutura.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.