Israel não vê motivo para estender moratória em colônias

O ministro das Relações Exteriores de Israel, Avigdor Lieberman, disse hoje em Sofia, capital da Bulgária, que não existem motivos para estender a moratória de dez meses às construções nos assentamentos judaicos na Cisjordânia, que expirou no fim de setembro.

AE, Agência Estado

09 de dezembro de 2010 | 14h38

Segundo Lieberman, como não houve um "resultado positivo" com a moratória, não existem motivos para estendê-la. No entanto, ele afirmou que é importante que as negociações diretas com a Autoridade Nacional Palestina (ANP) continuem. As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.